documentações empreendedorismo

Quais são as documentações e obrigatoriedades para abrir uma estamparia?

Você deseja abrir um novo negócio no nicho da estamparia, mas não sabe por onde começar? Fique tranquilo, pois hoje vamos tirar o seu empreendedorismo do papel e transformá-lo em realidade!

Abrir uma estamparia é sem dúvidas uma opção muito interessante e bastante lucrativa, considerando que você atuará em um setor criativo e personalizado para o seu público.

Esse é um dos principais fatores que tornam a estamparia diferenciada no mercado.

Mas para começar, é preciso ter muita atenção nas ações a serem tomadas durante o processo de abertura. 

Por este motivo, separamos um conteúdo exclusivo para te ajudar.

Confira!

Crie um planejamento

documentações estamparia

Empreendedorismo: saiba quais são os documentos necessários para abertura de estamparia. | Imagem: Pixabay

O empreendedorismo exige raciocínio, papel e caneta, e nenhum negócio pode ser bem sucedido se não houver planejamento.

E com a sua estamparia não será diferente!

O planejamento deve ser o primeiro passo a se tomar antes de abrir o seu negócio. Para oferecer uma direção clara de seus objetivos, liste todas as suas expectativas e o que será necessário para torná-las realidade.

Um planejamento assertivo gera bons resultados!

Defina o Capital Inicial no empreendedorismo

Capital Inicial é a quantia de dinheiro que você precisará investir em seu negócio para que ele se torne concreto, ou seja, todo o valor que você irá gastar com os recursos necessários.

De modo geral, o ramo da estamparia não exige grandes quantias de dinheiro para iniciar. A faixa de R$15 mil já é considerada suficiente para montar uma estrutura interessante.

Você também deve considerar aspectos como: maquinários, contratação de funcionários, materiais, local de atuação e outros.

Com um bom planejamento, seus gastos serão consideravelmente mais controlados.

Escolha seu espaço de trabalho

O espaço em que você irá atuar dependerá muito do seu objetivo principal.

Por exemplo, se você deseja algo mais tranquilo, o quintal ou algum cômodo de sua casa já pode servir para iniciar o seu próprio negócio. No entanto, fique ciente que se sua produção crescer, você precisará mudar de ambiente.

Por outro lado, você pode focar no comércio, buscando por localizações bem posicionadas, ambientes grandes e espaço para estoque.

Após estudar a condição em que o seu empreendimento se encaixa, será bem mais fácil encontrar o lugar ideal.

Invista em equipamentos

Para colocar a sua estamparia em atividade, você precisará investir em equipamentos. Os mesmos poderão ser selecionados de acordo com a modalidade de estampa que você irá trabalhar.

Dedique um tempo para pesquisar marcas, modelos e preços disponíveis no mercado, visando sempre a qualidade de seus serviços e produtos.

Além das máquinas, os demais materiais também serão necessários, como as tintas, por exemplo. Não se esqueça!

Acima de tudo, não se esqueça de seguir o planejamento feito na primeira etapa, ok?

Prepare a documentação

Agora que todo o seu projeto já está desenhado, prepare a documentação.

Assim como qualquer comércio convencional, a estamparia precisará de um CNPJ para que se realize a abertura da empresa na prefeitura e na câmara do comércio.

Em síntese, a abertura de uma empresa funciona da seguinte forma:

  1. Você contrata um contador
  2. Define o CNAE (Classificação Nacional de Atividades Econômicas)
  3. Estipula a configuração de sua Empresa.
  4. Faz a Análise Prévia da Localidade.
  5. Elabora o contrato social.
  6. Registre sua empresa na Junta Comercial ou Cartório.
  7. E por fim, emite o CNPJ.

Feito isso, sua estamparia estará aberta e liberada para funcionamento!

Conclusão

Agora que você aprendeu todos os passos necessários para abrir sua estamparia, é hora de colocar a mão na massa, produzir e vender!

Se esse post foi útil pra você, continue nos acompanhando clicando aqui!

Até a próxima!

tudo sobre posicionamento da marca

Se posicione de maneira correta nas redes sociais e aumente a visibilidade da sua estamparia

O posicionamento das redes sociais para empresas pode ser considerado uns dos critérios que mais alavancam a marca e reconhecimento da instituição. 

Atualmente, a maioria dos negócios investem em marketing e posicionamento na internet, com o intuito de fomentar vendas e atrair novos clientes.

Podemos encontrar modelos de conteúdos mais divertidos, conceituais, alguns mais modernos e assim por diante.

Portanto, se o posicionamento de marca traz um retorno considerável, por que não adotar para sua estamparia?

E para não perder tempo, dedicamos um conteúdo completo com as principais dicas para alavancar sua estamparia no meio digital.

Acompanhe!

O que é posicionamento de marca?

redes sociais para empresas

Afinal de contas, você sabe o que é posicionamento de marca? Confira aqui. | Imagem: Pixabay

Inicialmente, o posicionamento de marca trata de uma estratégia que busca influenciar o modo como o público vê e reage a determinada marca, trabalhando sua percepção e desejo de consumo.

O trabalho dedica esforços para construir uma imagem positiva na mente do cliente, fazendo com que ele se sinta atraído pelos produtos e serviços que a sua empresa tem a oferecer.

Resumindo: o seu público é que define sua posição no mercado!

Por este motivo, é muito importante saber construir estratégias de qualidade, com o intuito de evitar visões ou opiniões indesejadas sobre o que a sua marca promove.

Com a estamparia o processo é o mesmo. E para que você saia do teórico, separamos algumas dicas valiosas para colocar a sua empresa em uma boa colocação.

Veja!

Como definir o posicionamento da minha estamparia?

Para começar, você pode formular três perguntas estratégicas sobre sua empresa:

  1. Quem é minha persona e quais são as necessidades dela?
  2. O que eu ofereço como solução ao problema do meu cliente?
  3. Qual é o meu diferencial em relação ao mercado?

Após listar todas elas, busque por respostas concretas baseadas em análises de mercado e no perfil de sua persona, focando nas possíveis impressões que elas terão sobre a marca.

No caso, a sua estamparia será a responsável por oferecer as possibilidades e ideias que os seus clientes solicitarem, de modo que eles se sintam completamente satisfeitos.

Para facilitar sua jornada, confira as principais dicas de posicionamento digital que separamos para você:

Garanta sua posição online por intermédio de seus objetivos

Quando se define os objetivos das redes sociais para empresas, todo o restante do percurso se torna consideravelmente mais pontual.

Esse será um dos maiores fatores do progresso de sua empresa, uma vez que você estará direcionando o seu objetivo principal ao seu cliente.

E uma vez que seu cliente precisa de solução, ele certamente te escolherá!

Desenvolva uma linguagem adequada ao seu público ao trabalhar com redes sociais para empresas

Até este ponto, você já pôde compreender melhor o processo de posicionamento, e agora é o momento de criar vínculo com seu público por intermédio de uma linguagem adequada ao seu negócio.

Na estamparia, procure criar frases de efeito que mostrem a utilidade e interesse de seus produtos e como eles podem satisfazê-los. 

Juntando os dois pontos – redes sociais e linguagem personalizada – seus resultados serão positivos.

Produza conteúdos cativantes nas redes sociais para empresas

Por último, não se esqueça da produção do conteúdo: eles serão os grandes responsáveis pela interação, conversão e posicionamento de sua estamparia nas redes sociais.

Afinal, uma rede social não é nada sem imagens, textos e interações regulares!

Conclusão

Uma vez que você garante todas essas informações, basta colocá-las em prática em sua estamparia, e ver sua marca crescer no mercado digital.

Qual será o seu primeiro passo? Conte pra gente!

Se você deseja acompanhar novos conteúdos para se manter atualizado, acesse nosso blog clicando aqui.

Te esperamos!

abrir-e-commerce-camiseta

Como entrar no mundo do e-commerce de camisetas

A internet trouxe a possibilidade de vender para o mundo todo, pois estamos todos a um clique de distância. Com uma pequena busca no Google, podemos encontrar tudo o que precisamos, e comprar de forma rápida e segura. Pensando nisso, o e-commerce de camisetas é a melhor forma de escalar o negócio de quem empreende na área, mas nem sempre é fácil esquematizar quais são os primeiros passos para construir uma loja virtual.

Pensando nisso, separamos os 4 principais passos para você começar hoje o seu e-commerce de camisetas, confira:

Defina os produtos a serem vendidos e a identidade visual, baseado no seu público-alvo

No nosso caso, como será o e-commerce de camisetas, iremos focar no tipo de camisetas e as pessoas que mais compram esse determinado tipo de produto. Serão camisetas personalizadas? Camisetas infantis ou adultas? Com quais tipos de camisetas personalizadas trabalhará? Essas perguntas e muitas outras ajudam a traçar o seu público-alvo e perfil de cliente, que também ditarão sua identidade visual.

Registre o domínio do seu e-commerce

Esta é sem dúvidas uma das partes mais importantes para entrar no mundo dos e-commerces da forma certa, pois irá proteger o seu trabalho, sua loja virtual e o nome do seu negócio. Com o domínio comprado, evitará dores de cabeça posteriores e poderá usá-lo na hora da hospedagem em uma plataforma de vendas virtuais.

Escolha a plataforma em que hospedará o e-commerce

e-commerce venda de camiseta

Dicas para vender camiseta online

A plataforma será a casa do seu e-commerce, ou seja, precisa ser escolhida a dedo para ter certeza que entregará uma boa experiência de compra ao seu cliente, bem como se atenderá a todas as suas necessidades, logo, faça uma pesquisa entre várias plataformas e suas funcionalidades antes de escolher a vencedora!

Alguns dos recursos que você precisa saber se as plataformas escolhidas têm, para fazer a escolha final, é:

  • Suporte ou chat integrativo com o cliente;
  • Uma interface intuitiva, que ajuda o cliente a navegar sem dificuldades e achar tudo o que necessita com poucos cliques;
  • Diversidade de formas de pagamentos;
  • Adequação às leis LGPD para proteção dos dados dos usuários,
  • Integração com ERP, para gerir o transporte e o financeiro de forma integrada e completa,
  • Entre outros.

Cadastrar os produtos no seu e-commerce

Após registrar seu domínio e hospedá-lo na plataforma escolhida, é a hora do trabalho braçal: cadastrar todos os seus produtos na loja virtual, com as devidas fotos, descrições, formas de pagamento, etc. Esse cadastro deve sempre acompanhar o seu estoque atual, podendo ser integrado com plataformas que gerenciam esses números.

Lembre-se que nesta etapa, quanto mais colocar descrições e informações do seu produto, melhor! Seu cliente terá tudo o que precisa sobre as camisetas em mãos, logo, as chances de fazer uma compra equivocada, com tamanhos ou cores erradas ou ter dúvidas é bem menor.

Começar o seu e-commerce de camisetas é mais simples do que parece, aos seguir as dicas acima, com divulgação, trabalho de redes sociais e um ótimo atendimento, em breve seu e-commerce terá uma carteira diversificada de clientes!

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre o e-commerce de camisetas, como estruturar, quais são os passos mais importantes e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

mkt para estamparias

Marketing para estamparia: Como aplicar no dia a dia?

Para que a sua estamparia tenha sucesso, alcance novos clientes e cresça exponencialmente, o marketing é o melhor aliado para fazer essas metas se tornarem realidade.

Entretanto, desde o planejamento até o conteúdo postado deve ser feito com cuidado e com estratégia por trás, o que nem sempre é fácil, pois aprender marketing leva tempo e muito estudo. Para te ajudar nessa jornada, preparamos um guia interativo com tudo sobre marketing para estamparia e como aplicar no dia a dia da empresa, confira:

O mais importante: pesquisa prévia sobre o seu público-alvo (esqueça o concorrente)

Antes de iniciar a divulgação e o planejamento dos conteúdos, uma pesquisa apurada sobre qual será o seu público-alvo é muito importante. A máxima “quem quer vender para todo mundo, na verdade, não vende para ninguém” é uma grande verdade, pois as chances de maximizar seus lucros e seu alcance para um público específico é muito maior do que deixar opções abertas e amplas demais.

Por isso, tenha em mente quem será o seu público consumidor, e em nenhuma hipótese, preocupe-se com o concorrente.

“Mas… Não devo me preocupar em ser melhor e em me diferenciar do meu concorrente?”

Sua energia deve ser direcionada a atender bem os clientes, entregar bons produtos, prezar pela qualidade de todos os processos da estamparia, e por consequência, irá se destacar.

Planejamento de conteúdo e calendário editorial

dicas de mkt para estamparias

Veja nossas dicas de marketing para estamparias. | Imagem: Hubify

Algo que também não deve ser negligenciado é o planejamento de conteúdo para as redes sociais. Deixar para decidir o que será postado nas páginas da estamparia em cima da hora, sem pensar no impacto, nas frases, na arte, sem estratégia alguma, não irá acrescentar nada nas metas a serem alcançadas.

Por isso, o ideal deve ser um planejamento quinzenal ou mensal de conteúdo, para verificar o que está performando bem e mal, e ir replicando novos modelos em sua empresa.

Esteja em mais de um ponto de divulgação

Para alcançar mais pessoas interessadas em seus serviços, estar em mais de um ponto de divulgação é ideal. Algumas dessas redes são: Google Meu Negócio; uma rede de alto potencial focada em negócios físicos ou e-commerces em mostrar o seu negócio para quem busca pelos serviços no Google, o Facebook, Instagram, e até mesmo blog, que com um bom SEO, pode mostrar sua estamparia como os primeiros resultados da busca.

O marketing, para ter bons efeitos em sua estamparia, não precisa de diversas ações ou ferramentas rebuscadas: precisa de estratégia, um bom suporte ao cliente, constância e planejamento. Com esses itens bem feitos, somados a entrega de bons produtos e estampas de alta qualidade, com certeza, em pouco tempo de divulgação, terá ótimos resultados!

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre o marketing para estamparia, como fazer, quais são as indicações e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

Dicas para abrir e-commerce

Abrir e-commerce de camisetas: veja o passo a passo completo!

A forma mais rápida e escalável atualmente, para ter a sua estamparia, é no formato online ao abrir e-commerce. Em apenas alguns cliques, você pode vender para as mais variadas regiões do mundo, e aproveitar a facilidade do digital para estar a par das novidades, dos produtos na moda e do que os consumidores estão pedindo.

Entretanto, para abrir e-commerce de camisetas, alguns passos devem ser seguidos para que a loja virtual tome forma e assim consiga começar suas vendas. Para ajudar nesse processo, separamos o passo a passo inicial para estruturar seu e-commerce de camisetas, confira:

Formar a marca e a identidade visual do seu e-commerce

Antes de abrir o e-commerce, é de extrema importância ter em mãos a identidade visual da sua marca, bem como um nome já definido e validado. Com esse passo concluído, já estará apto a dar sequência nos demais que irão colocar sua loja virtual para funcionar!

Escolher qual será a plataforma em que as camisetas serão vendidas

Dicas e-commerce camisetas

Confira o passo a passo para abrir e-commerce de camisetas. | Imagem: Freepik

Hoje em dia, temos uma ampla variedade de sites para hospedar o seu e-commerce, sendo os de melhor avaliação por parte dos clientes e consumidores:

  • Magazord;
  • Loja Integrada;
  • Moovin;
  • Magento;
  • Nuvemshop;
  • Shopify;
  • Oracle CX Commerce;
  • E outros.

Ao escolher uma plataforma reconhecida, intuitiva para o usuário e para quem irá construir o e-commerce já é possível garantir parte do sucesso da loja virtual!

Delimitar o nicho de atuação

Você já ouviu a frase “quem vende para todo mundo não vende para ninguém”? É exatamente isso que acontece!

A delimitação do nicho, assim como escolher a plataforma em que a loja irá atuar é um dos passos mais importantes para garantir o bom funcionamento da loja virtual. Também, com a formatação do público-alvo e nicho, é mais fácil se destacar com os produtos oferecidos, pois estará se dirigindo ao possível público interessado em suas estampas, modelos, forma de estamparia, etc.

Esse passo é importante também para ajudar na hora da criação de campanhas de marketing ou tráfego pago nas redes sociais, alcançando de forma mais efetiva o público qualificado,

Buscar o(s) designer(s) para montar o catálogo do e-commerce

O diferencial da estamparia para as demais lojas de camisetas são as estampas personalizadas e a facilidade em customizar a peça, deixando-a da forma como o cliente idealiza.

Para garantir o sucesso do negócio, bem como a boa aceitação das estampas, é fundamental procurar designers de confiança e alinhados à proposta da marca para integrar sua equipe. Através de sites como 99freelas, Workana e Behance é possível conhecer profissionais e portfólios, fazer contato, orçar e contratá-los para trabalhos específicos ou fixos.

Escolher entre estamparia sob demanda ou montar o seu estoque

É possível, hoje em dia, trabalhar de duas formas no e-commerce  de estamparia: com impressões sob demanda ou montando um estoque mais enxuto, sendo renovado a cada período que for determinado pela equipe. Por isso, é importante determinar a forma de funcionamento do seu e-commerce, bem como a capacidade de estoque ou de produção sob demanda em tempo hábil, para que o cliente não espere por um longo prazo.

Viu como é simples e rápido abrir o seu e-commerce?

Essa modalidade exige menos passos e burocracias que uma loja física, além de ser um modelo escalável de negócio, em que você pode realmente vender para o mundo inteiro a um clique de distância!

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre abrir e-commerce de estamparia, qual o passo a passo, por onde começar e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

logo para estamparia

Logo para estamparia: como definir uma logo atrativa

O logo é, sem sombra de dúvidas, um elemento que serve para fixar a marca da estamparia na mente dos clientes, e por isso, jamais deve ficar em segundo plano.  Não existe uma fórmula pronta para definir uma logo criativa, entretanto, alguns passos devem ser seguidos para garantir o melhor resultado.

Qual é a importância da identidade visual para a estamparia?

Assim como não conseguimos decolar em um voo sem a carteira de identidade, uma estamparia não decola com seu crescimento sem ter uma identidade visual, pela qual será conhecida. Uma série de passos precisa ser seguida para que um logo de qualidade seja criado, mas o mais importante é deixar a criatividade e a originalidade fluírem nesse momento, seja você mesmo fazendo ou em conjunto com um designer.

Como definir uma logo atrativa para a estamparia?

logo para estamparia

Dicas logo para estamparia. | Imagem: Freepik

Tenha consciência plena do seu negócio

Antes de começar a planejar a logo da estamparia, algo que deve estar bem definido é a consciência do seu negócio, a essência que move a empresa: seu público-alvo, nicho, objetivos e até mesmo inspirações, etc. Logo, para que a logo expresse mais do que apenas um símbolo, e sim a essência, fazendo com que os clientes lembrem dos seus serviços, e ainda mais do que isso, dos resultados, é necessário ter em mente a essência e os objetivos da empresa.

Busque inspirações, mas seja original

As inspirações são necessárias para estimular a criatividade e até mesmo para conseguir tirar aquela ideia da mente direto para o papel, e assim, ser colocada em ação. Entretanto, a originalidade será o diferencial da sua marca, e cópias podem trazer muitas consequências difíceis, até mesmo jurídicas. Por isso, procure se inspirar mas não usar elementos que estejam inseridos em outras marcas e logos.

Faça um brainstorming e depois um briefing

Depois de colocar os dois passos acima em prática, um brainstorming é uma ótima maneira de descarregar todas as ideias, para depois filtrá-las e organizar da melhor forma.

O brainstorm consiste em literalmente uma chuva de ideias, em que você irá colocar em papel ou em um bloco de notas todas as ideias e inspirações que vem a sua cabeça, deixando a mente livre para depois apenas executar a tarefa. Após concluir esse processo, faça um briefing (mesmo que não haja profissionais ou terceiros envolvidos na confecção da logo), para usar como base na hora do esboço.

Esboço

Uma das partes mais importantes chegou! O esboço é o início, é o embrião que dará forma a logo, assim que for desenvolvido. Nesse momento, você pode fazer mais de um esboço, para depois desenvolver o que mais houver afinidade com a proposta da marca, ou até mesmo fazer uma logo híbrida de duas ideias esboçadas. Nessa hora não há regras, deixe a criatividade fluir!

Desenvolva

Após ter os esboços prontos, poderá escolher o que melhor se comunica com a proposta da marca e finalmente desenvolver o protótipo, a primeira versão. Sabemos que é muito difícil começar algo do zero e usar a primeira versão de cara, não se cobre tanto. Dê o melhor de si!

Peça opiniões e veja a logo aplicada em algum material

Com a primeira (ou as primeiras) versão desenvolvida, peça a opinião de profissionais de sua confiança e pessoas que estão acompanhando o processo de desenvolvimento da estamparia, pois quem vê de fora muitas vezes pode contribuir de forma significativa. Outra forma interessante de ter uma perspectiva diferente da logo é aplicando em algum material: desenvolvendo um flyer, um banner ou até mesmo um post para redes sociais que contenha a arte, para verificar como fica o resultado final.

Com isso, terá uma boa para saber se deverá fazer alterações ou não.

Faça alterações necessárias

Após a percepção e validação, não deixe lacunas de tempo, faça as correções necessárias com as ideias ainda frescas na mente, assim, você garante não perder nada importante.

Desenvolver uma logo atrativa pode parecer uma missão complicada muitas vezes, mas com alguns passos sendo seguidos da forma correta, com certeza tudo se descomplica e coopera para o crescimento da estamparia.

Esperamos que você goste das dicas de como desenvolver uma logo atrativa para que serve, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

dicas para montar uma loja de estamparia

Como abrir uma loja de estamparia do zero?

Muitas pessoas hoje em dia querem fazer uma renda extra ou até mesmo realizarem o sonho do empreendedorismo, sendo uma ótima ideia começar uma loja de estamparia. Entretanto, muitos ficam com medo e não sabem como abrir uma loja de estamparia do zero. Pensando nisso, preparamos este guia completo om todas as informações para você começar, confira:

O que é uma loja de estamparia?

De forma simplificada, a loja de estamparia é uma empresa que confecciona diversos tipos de produtos estampados, e vai desde a estampa até a impressão final e entrega do produto ao cliente. Quanto maior a sua gama de produtos personalizados, maior será a retenção de clientes.

É de escolha do proprietário usar um espaço físico para a criação da estamparia, mas pode também ser uma loja virtual, um e-commerce em que os produtos ficam a venda já prontos, e você precisará fazer o envio dos materiais aos clientes, sempre deixando o estoque do site atualizado para não deixar os clientes na mão.

Como abrir uma loja de estamparia do zero?

dicas loja estamparia

Confira nossas dicas para abrir sua loja de estamparia. | Imagem: Novo Negócio

Física ou digital, o passo a passo para abrir uma loja de estamparia do zero são iguais ou sempre muito semelhantes. É necessário sempre planejar tudo com calma e fazer todas as recomendações, para que todas as engrenagens do seu negócio estejam alinhadas. Alguns destes passos são:

Planejamento: o mais importante de tudo

Precisamos de planejamento para fazer qualquer coisa na vida. Uma empresa, para dar certo, não é diferente! Logo, o primeiro passo deve ser fazer um descarrego (pode ser em papel, no Word do computador ou no local de sua preferência) de todas as ideias, do que quer fazer, do que já sabe que deve ser executado… Tudo! O que passar pela sua cabeça que julgar importante, anote, e depois organize tudo de forma sistematizada, para partir direto para a ação, e tenha também em mãos um orçamento pré-definido para investimento na sua estamparia.

Público-alvo: para quem eu quero vender?

Tão importante como planejar o funcionamento da empresa, é saber quem será o seu público comprador. O que adianta fazer uma estamparia com diversas variedades de cores vibrantes e alegres, se as estampas forem de bandas de rock, por exemplo? O público-alvo dessas estampas não busca as cores que está oferecendo. Logo, esteja com este item alinhado. Algo que pode ajudar nessa delimitação é a variedade de produtos que irá trabalhar: se vender apenas roupas, será um público x, se vender roupas e acessórios personalizados de estamparia, público y, por exemplo.

Estrutura e espaço: físico ou digital?

Chegou a hora de definir sua estrutura. Se for um espaço físico, vai desde o aluguel a estruturação de todo o espaço para comportar a estamparia, bem como a comunicação visual do lado de fora para que os clientes encontrem a loja; se for uma loja virtual, vai desde a compra do domínio a integração com os meios de pagamento mais usados.

Equipamentos: o que é fundamental para começar?

Para iniciar, não compre todos os equipamentos do mundo da estamparia que estiverem à disposição. Aposte no básico e no essencial que não ultrapasse seu orçamento, para que assim que o lucro começar a surgir, possa reinvestir em mais equipamentos.

Burocracias: quais são as documentações obrigatórias?

Abertura de CNPJ, abertura de firma, cadastro na prefeitura para emissão de nota fiscal, alvará de funcionamento, máquina de cartão… Essas são apenas algumas das burocracias obrigatórias para todas as empresas. Há ainda a compra de domínio para o site e outras coisas, que vão sendo avaliadas com o tempo. Logo, esteja atento a todas essas questões!

Marketing: a alma do negócio

Depois que o negócio já começou a rodar, é necessário, além do trabalho, a divulgação para atração de novos clientes, pois quem não é visto, não é lembrado! Invista nas redes sociais e esteja sempre atualizando com os novos trabalhos da estamparia.

Agora que você já sabe tudo o que é preciso para abrir uma  loja de estamparia do zero, persista, insista, faça o seu melhor e verá seu negócio crescer cada vez mais. Caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

 

 

o que é policromia

Como utilizar a policromia em estampas?

Hoje em dia existem diversas técnicas que garantem cada vez mais a qualidade das impressões, revelações, estampas e demais materiais gráficos, o que faz do mercado uma área em expansão constante, e uma dessas técnicas é a policromia, utilizada há muitos anos, mas que muitos ainda não sabem sua real importância. Entenda o que é, como utilizar a policromia em estampas e muito mais conosco, confira:

O que é a policromia?

Essa técnica, é uma arte ou reprodução feita com várias cores em um mesmo trabalho, através da combinação das três cores primárias amarelo, ciano, magenta mais o preto, que realça os contrastes das outras três cores.

Na serigrafia e na estamparia, o processo de policromia é a impressão em que quatro cores básicas são combinadas: o ciano, magenta, amarelo e preto, a conhecida sigla CMYK, e que a partir dela, conseguimos reproduzir quaisquer outras cores.

Com essa técnica, conseguimos fazer estampas mais detalhadas, de melhor resolução, com linhas mais finas, texturas melhores e até mesmo fotografias. É um toque de qualidade todo especial que dá diferença no acabamento!

Como é feito o processo?

Para que essa técnica seja feita, é necessário usar um fotolito impresso que, posteriormente, fica em uma matriz reticulada. Assim, para fazer a policromia, é feita a separação em quatro cores, a CMYK.

Quando usar a policromia?

O ideal é usar a policromia para estampas em fotografias, ilustrações com detalhes, camisetas com fundo claro, etc. Esta técnica garante a qualidade e o acabamento da estampa em malhas mais claras e brancas.

Em quais malhas ou tecidos é possível utilizá-la?

Vale ressaltar que o processo só pode ser feito em malhas e tecidos bem claros ou mesmo brancos, com fundos pretos ou mais escuros, somente outras técnicas ou a policromia adicionada a outras formas poderão ser usadas, para obter bons resultados.

Enfim, a policromia traz o que há de mais tradicional e, ao mesmo tempo, inovador na serigrafia e estamparia, visto que seu uso é amplamente prático e com ele, é possível chegar a todos os tons de cores!

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre a policromia e as perguntas mais frequentes sobre o assunto. No entanto, caso você tenha ficado com alguma dúvida sobre o assunto, basta comentar aqui que nós te esclarecemos.

No mais, para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

plano de marketing para estamparias

Plano de marketing para estamparias: por onde começar?

Muitas pessoas que possuem uma estamparia desejam obter sucesso e melhores resultados. No entanto, nem todas sabem que um plano de marketing pode contribuir (e muito) para isso.

Porém, é essencial que você tenha em mente que para criar um plano para sua estamparia, você precisa saber que o mesmo deve ser condizente à sua realidade e alinhado às suas expectativas, só assim você garantirá que os resultados serão atingidos e que você terá sucesso no seu negócio.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para que você tire as ideias do papel e saiba como começar o seu plano de marketing. Então se esse assunto te interessa, basta continuar a leitura para conferir.

Por que o plano de marketing é tão importante para sua estamparia?

Antes de mais nada, precisamos te falar qual é a importância de ter um plano de marketing para sua estamparia. Pois bem, o plano irá te ajudar a definir quais serão as melhores estratégias de marketing para a empresa de acordo com seus objetivos e com o público-alvo a fim de garantir a melhor divulgação dos seus produtos.

Sem um plano de marketing bem elaborado, provavelmente você não saberá muito bem o que fazer e nem qual é o público que você precisa atingir, sendo difícil de alcançar os resultados desejados.

O que é necessário saber antes de começar?

O plano de marketing para estamparias é composto por diversas etapas, sendo necessário avaliar cada uma delas criteriosamente. Há algumas delas que devem ser feitas antes mesmo de começar a traçar suas estratégias, como:

  • Definição dos objetivos da estamparia a curto, médio e longo prazo;
  • Realização de um estudo de mercado para analisar a concorrência e reconhecer quais são os diferenciais da sua empresa frente ao mercado;
  • Definição de público-alvo e persona de acordo com seus objetivos e produtos comercializados.

Plano de marketing para estamparias: saiba como começar

dicas sobre plano de marketing

Veja dicas para o marketing da sua estamparia. | Imagem: Freepik

Agora que você já tem objetivos, público-alvo, persona e estudo de mercado definidos, é hora de partir para o seu plano de marketing. Lembre-se de ter muita atenção em cada uma das etapas para obter muito sucesso durante a sua execução, ok?

São etapas essenciais para um plano de marketing eficiente:

1 – Defina quais as estratégias serão adotadas

Bom, o primeiro de tudo para um plano de marketing de sucesso é definir quais serão as estratégias que você pretende adotar para a sua estamparia. Neste momento, muitos estudos e pesquisas são bem-vindos, afinal de contas, existem inúmeras estratégias e você precisará saber quais mais darão certo com o seu negócio e mais conversam com o seu público.

2 – Determine quais ações serão realizadas

Com as estratégias definidas, é hora de definir também quais serão as ações a serem realizadas no seu plano de marketing para estamparia. Vale dizer que são ações muito utilizadas para essa finalidade: criação de um site e loja virtual, posts nas redes sociais da empresa, ações de e-mail marketing, blog corporativo, contratação de digital influencer e campanhas pagas (como o Facebook e Google ADS).

3 – Planeje os aspectos financeiros do plano de marketing

Agora é hora de fazer uma estimativa financeira mensal. Ou seja, definir qual é o valor investido nas ações e nos recursos do seu planejamento. Aqui você precisa fazer um controle eficiente do orçamento para que o investimento seja eficiente para você saber se o retorno está, de fato, sendo satisfatório para você.

4 – Estabeleça um cronograma de execução

Antes de colocar em prática, é hora de criar um cronograma de execução. Assim você poderá alinhar e estruturar, juntamente aos seus colaboradores, quando e como cada uma das ações do plano de marketing serão realizadas.

5 – Coloque em prática as ações

E, por fim, chegou a hora! Com tudo definido você deverá seguir o seu plano para colocar em prática as ações definidas anteriormente para sua estamparia. No entanto, vale ter em mente que o plano poderá mudar sempre que necessário caso você perceba que alguma das ações não esteja surtindo o efeito desejado.

Bom, esperamos que você possa ter compreendido quais são os passos para realizar um bom plano de marketing para sua estamparia. Caso tenha ficado com alguma dúvida sobre o assunto, basta comentar aqui que nós te esclarecemos.

Ah, e para mais dicas e informações sobre estamparias e empreendedorismo, continue acompanhando o nosso blog. Te esperamos por aqui nos próximos posts!

criar marca de roupa

Criar marca de roupa: veja o passo a passo para criar sua marca de camisetas

Para quem está buscando um negócio lucrativo para empreender, precisamos dizer que o ramo de camisetas e estamparia é uma excelente opção. Isso porque é bastante abrangente, estando presente em todos os guarda-roupas (femininos, masculinos e infantis) e é muito rentável. No entanto, criar uma marca de roupa exige muita atenção e cautela.

E foi pensando nisso que criamos o post de hoje: para te ajudar a compreender quais são os passos necessários a serem tomados para criar sua marca de roupa e ter sucesso no ramo de estamparia. Se interessou? Continue a leitura e confira!

Saiba como criar marca de roupa em 4 passos

Como dissemos anteriormente, criar sua própria marca de camisetas é uma excelente opção para quem deseja empreender com boa lucratividade. Porém, para obter sucesso no processo, é importante tomar alguns cuidados. Alguns deles são referentes aos passos necessários para a criação da marca. Confira a seguir:

1º passo – Escolha o nome da sua marca de roupa

Bom, este é o primeiro passo para toda e qualquer empresa que está prestes a inaugurar. E já adiantamos: embora pareça fácil, muitas vezes é bastante complicado definir o nome da sua empresa. Afinal de contas, o nome ficará para sempre e você precisa ter certeza da sua decisão.

Vale dizer que será o nome que vai chamar atenção do seu público ao seu negócio e ainda é ele quem fará os consumidores lembrarem do seu negócio. portanto, nunca crie um nome igual ou semelhante a uma marca já existente ou defina na correria, ok?

Faça uma pesquisa de mercado, pense bastante e dedique o tempo necessário até que você fique satisfeito com a sua decisão. E não se esqueça que neste momento é indispensável fazer uma pesquisa no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Intelectual) para verificar a disponibilidade do nome e se possível já realizar o registro, somente assim você garante que o nome será de sua autoria.

Dica extra: o ideal é que seja um nome curto e de fácil pronúncia. Isso contribuirá para que os consumidores consigam memorizá-lo com facilidade e, quando combinado a uma boa identidade visual, faça com que sua marca seja reconhecida no mercado.

2º passo – Crie sua identidade visual

Com o nome definido, é hora então de criar a sua identidade visual. Neste momento é bom levar em conta que se trata de uma marca de roupa, ou seja, você precisa passar credibilidade e segurança na sua identidade visual para que os clientes confiem em você em relação à criação de estampas personalizadas.

Então nada de criar um logotipo amador, hein? Capriche muito e faça com que sua marca seja única e impactante! Assim ela poderá ser reconhecida pelos seus consumidores com facilidade.

Vale dizer que a identidade visual pode agregar, além do logo:

  • Logotipo;
  • Site;
  • Etiquetas e tags;
  • Cartão de visitas;
  • Fachadas (em caso de lojas físicas);
  • Layout de e-mail;
  • Capas e posts para redes sociais;
  • Panfletos;
  • Embalagens para envios;
  • Entre outros.

3º passo – Encontre os fornecedores

marca de roupa

Encontre fornecedores para sua marca de roupa. | Imagem: Freepik

Agora você já possui nome e identidade visual e já está quase tudo pronto para sua marca de roupa sair do papel. Mas nada disso será possível caso você não tenha bons parceiros ao seu lado. Por isso, busque referências no mercado de profissionais atacadistas que poderão lhe oferecer camisetas de qualidade e preço justo para garantir a produção das peças e contate-os.

Neste momento é necessário ter muita atenção. Isso porque caso você opte por um fornecedor sem qualidade, automaticamente o seu trabalho também será prejudicado e junto dele a sua reputação. Então analise com carinho e se possível veja todas as opções disponíveis para certificar-se de que está fazendo uma boa escolha.

4º passo – Defina o plano de divulgação da marca de roupa

Chegando ao 4º passo você já possui basicamente toda a estrutura necessária para a abertura da sua marca de roupa. Agora você precisará, além de definir como será feita a impressão (por conta própria ou terceirizada), definir o plano de divulgação da marca de roupa, pois é isso que fará com que sua empresa seja conhecida pelo seu público-alvo e comece a realizar vendas.

Em caso de lojas online, uma boa estratégia é utilizar das redes sociais. Elas são vistas como uma vitrine e contribuirão bastante para a sua divulgação, seja por meio do tráfego pago ou orgânico.

Conclusão

É isso! Esperamos que você tenha conseguido compreender quais são os 4 passos essenciais para a abertura de uma marca de roupa. Caso tenha ficado com alguma dúvida sobre o assunto, não deixe de comentar aqui que nós te esclarecemos.

Ah, e se você quiser recomendação de um fornecedor de excelente qualidade para sua marca, não deixe de acessar o nosso site para certificar-se de tudo que a Disque Camisetas pode fazer por você!

No mais, continue acompanhando o nosso blog para mais dicas e informações sobre camisetas e estamparia como essa. Nos vemos por aqui!