máquinas estamparia digital

Máquinas para estamparia de camisetas: saiba como escolher a melhor opção

Para que a sua estamparia seja um sucesso e entregue tudo o que o seu cliente precisa e espera em suas peças, a escolha assertiva das máquinas para estamparia de camisetas deve ser prioridade, pois irá ditar a qualidade dos produtos e a reputação das peças fora da empresa.

Entretanto, saber como escolher e quais são os tipos de máquinas disponíveis nem sempre é uma missão fácil. Para simplificar essa jornada, preparamos um guia completo sobre as principais máquinas, seus usos e características, confira:

Máquinas para estamparia de camisetas: confira os tipos

tudo sobre máquina de sublimação

dicas máquinas de estamparia de camisetas

Cada máquina possui sua indicação e particularidades, especialmente nos formatos de impressão ou transferência de imagem, e também os tecidos e cores compatíveis com o processo. Os tipos disponíveis de máquinas para estamparia são:

Máquina transfer

A máquina transfer é a que faz transferência térmica, que após imprimir a estampa desejada, prensa a estampa em alta temperatura na camiseta. Logo, a malha não chega a ser tingida, apenas recebe uma camada extra, como se a estampa fosse um adesivo.

Essa máquina é de baixo custo e não tem tiragem mínima, podendo fazer menos peças para encomendas específicas. Entretanto, uma das características dessa máquina é que a transferência não tem as melhores qualidades, pois após algumas lavagens, a estampa, que é uma espécie de adesivo, pode desbotar ou começar a apresentar rachaduras.

Sublimação

O processo feito na máquina de sublimação é semelhante ao transfer, entretanto, a tinta sublimática, que vem em estado sólido é prensada em alta temperatura, evaporando e entrando nas fibras do tecido, que diferentemente do transfer, virando um adesivo, é impresso realmente na superfície do tecido escolhido.

Nessa máquina, não há limites para o uso de cores, mas não é o tipo de impressão mais indicada para camisetas na cor branca ou malhas sintéticas, como a Dry Fit ou a malha fria, pois diminuem a durabilidade da peça e a qualidade da impressão.

Máquina silk screen

A máquina silk screen, uma das máquinas com maior valor de aquisição, funciona com diversas telas e recortes que são dispostos sob os tecidos. Usando tintas específicas e rolos de distribuição, são manualmente tingidas, obtendo um ótimo resultado com as cores. Esta máquina é ideal para grandes tiragens, já que para cada cor usada, é necessário criar uma tela nova com os recortes a serem usados.

Máquina de impressão digital

É a opção mais tecnológica do mercado atualmente, e também a de maior custo, transferindo as ilustrações e estampas para o tecido, assim como uma impressora tinge e imprime direto no papel. Com tintas à base de água, as estampas são absorvidas mais rápido pela malha, com uma qualidade semelhante ao Silk Screen, possibilitando a estampagem em diferentes cores, até mesmo em tecidos escuros.

Qual é a média de custo de uma máquina para estamparia de camisetas?

O custo médio de uma máquina de estampar camisetas é de R$ 800,00, variando com os tipos, funcionalidades, superfícies e tamanhos (P, M, G e GG, por exemplo) que deseja estampar e fornecer aos clientes. Por isso, antes de escolher a prensa ideal para a sua estamparia, é necessário saber o tipo de imagem e tecido que deseja usar, e depois, começar a cotação.

O valor de R$800,00 a R$950,00 são para máquinas menores, de até 38 x 38 cm. A partir de R$1.000,00 é possível atender e trabalhar com desenhos maiores, atendendo uma gama maior de peças, suportando até 40 x 60 cm, e de R$2.000 a R$3.000 em diante, é possível adquirir prensas maiores, térmicas, digitais ou multifuncionais.

Como escolher a melhor opção de máquinas de estamparia para camisetas? 

Para escolher a melhor máquina para o seu negócio, é necessário entender quais são as demandas que irá atender e quais são os produtos que deseja oferecer em sua estamparia. A partir desse dado, é possível escolher a máquina que mais se adequa às necessidades da empresa.

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre as máquinas de estamparia, o uso de cada uma delas, características e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

camisetas sem etiqueta

Camisetas sem etiqueta: saiba quando e onde comprá-las

Hoje em dia, para ter a sua estamparia, é necessário saber onde comprar bons produtos de base e quais são os mais importantes. Para personalização, as camisetas sem etiqueta são as mais pedidas e procuradas, não somente porque na maioria das vezes vem sem estampa e lisas, pronta para trabalhar em sua customização, mas também pela possibilidade da inserção da sua etiqueta.

Entretanto, nem sempre é fácil encontrar bons fornecedores, bons tecidos e saber quando usar as camisetas sem etiqueta. Para ajudar nesse processo, trouxemos esse guia completo e informativo, confira:

Para que servem as camisetas sem estampa nas estamparias?

Camisetas sem etiqueta e camisetas sem estampa, basicamente, cumprem as mesmas funções: ser a base para produtos customizáveis e personalizáveis. Assim como as camisetas sem estampa permitem que seja feita a impressão de estampas sob encomenda e trabalhar com novos conceitos, as camisetas sem estampa permitem que as etiquetas da própria marca ou personalizáveis sejam aplicadas, formando assim coleções e novos conceitos para a estamparia.

As camisetas sem etiqueta não estão vinculadas a marcas, cuidados específicos com o produto e outras características, estão completamente prontas para serem moldadas de acordo com a demanda, e serem aplicadas com as etiquetas próprias da marca ou da estamparia.

Quando usar as camisetas sem etiqueta?

  • Demandas específicas podem ser cumpridas a partir de peças mais customizáveis;
  • Produtos personalizáveis desde a etiqueta;
  • Customização do produto de acordo com o pedido do cliente;
  • Padronização das peças;
  • Formação de coleções com etiquetas específicas;
  • Aplicação das etiquetas próprias nas camisetas;
  • Trabalhar com novos tipos de etiqueta;
  • Colocar os cuidados próprios da marca;
  • Formar o conceito da marca na mente dos consumidores;
  • Maior possibilidade de customização, desde a etiqueta até a estampa;
  • Entre outros!

Onde comprar camisetas sem etiqueta?

As camisetas sem etiqueta podem ser encontradas em fornecedores por indicação ou pela internet, em buscas no navegador.  Alguns itens devem ser levados em consideração para a escolha de boas camisetas sem etiqueta, como:

  • Tecido de qualidade;
  • Possibilidade de inserção de etiquetas por parte da marca;
  • Aceitação por parte do tecido de estampas;
  • Fornecedor com um bom relacionamento com os compradores;
  • Durabilidade do tecido;
  • Possibilidade de ver pessoalmente o tecido antes da compra;
  • A opinião dos consumidores em relação às camisetas.

Sendo assim, dê preferência aos produtos e camisetas sem etiqueta que você possa pegar nas mãos, sentir a qualidade e ver de perto a impressão, bem como a possibilidade de personalização de cada uma, assim, as chances de sucesso na escolha são bem maiores!

Ao escolher as melhores camisetas sem estampa, e saber como usar, onde usar e como encontrar, terá melhores resultados em suas demandas, assim como na durabilidade das peças. Elas são feitas pensando principalmente nas estamparias que

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre as camisetas sem estampa, para que servem, quando usar e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

dicas camiseta 100% algodão

Camiseta 100% algodão: saiba como identificar uma malha de qualidade

Existem diversas opções de tecido atualmente, sendo as melhores na opinião de consumidores, fabricantes e lojas os tecidos 100% algodão. Para saber um pouco mais sobre eles, como é a camiseta 100% algodão e os cuidados necessários para uma boa durabilidade da peça, preparamos um guia informativo completo, confira:

O que é a camiseta 100% algodão?

Os tecidos 100% algodão usados em camisetas são malhas compostas de fibras naturais de origem vegetal, que são geradas em volta das sementes do algodoeiro. Sendo assim, as camisetas 100% algodão são produtos feitos em material puro, resistente, flexível e macio, sendo usados e recomendados pelo seu ótimo custo-benefício. Conhecidos por deixarem a pele respirar, ter um toque agradável à pele, tem como principal desvantagem desbotar com o tempo e amassar com facilidade.

Quais são os tipos de tecido 100% algodão?

Atualmente, os tipos de tecido de algodão são o fio 30 penteado, fio 30 cardado e fio 24.

  • Fio 30 penteado: É considerado o melhor tecido de algodão e o melhor de todos os tipos para camisetas, oferecendo ótima durabilidade e acabamento na estamparia. Apesar de serem mais caras, têm um bom custo-benefício pelo seu tempo de duração.
  • Fio 30 cardado: Possui qualidade superior ao fio 24, já que quanto maior a gramatura, melhor a qualidade do fio;
  • Fio 24: Com esse tipo de fio, as camisetas tendem a ser mais finas e com menor durabilidade, como as de lojas de fast fashion (lojas de departamento), produzidas em grande escala para que o preço seja menor.

Quais são as características do camisetas 100% algodão?

camiseta de algodão

camiseta 100% algodão

Algumas das características positivas das camisetas 100% algodão, dentre as mais procuradas, são:

  • Boa solidez de tecido;
  • Rápida absorção do suor, sendo ideal para atletas;
  • Fácil manuseio da peça;
  • Toque suave;
  • Sensação confortável na pele;
  • Bem tolerado em que tem pele sensível;
  • Tecido com menor incidência de reações alérgicas;
  • Boa resistência ao uso;
  • Resistente às lavagens;
  • Entre outros.

As desvantagens do tecido 100% algodão são poucas, como por exemplo:

  • Amarrota com facilidade,
  • Desbota mais fácil.

Quais são os cuidados que devem ter com as camisetas e peças 100% algodão?

  • Não lave a sua peça de algodão junto com peças de tecidos diferentes;
  • Tome cuidado para não exagerar na quantidade de sabão em pó e amaciante na lavagem, pois isso pode deixar o algodão da camiseta mais fino, diminuindo a durabilidade da peça;
  • Não misture ou lave peças neutras de algodão com tecidos coloridos, pensando em preservar a cor da sua camiseta 100% algodão,
  • Depois da lavagem, pendure suas peças em locais com sombra, pois as peças solares podem manchar o tecido.

Os tecidos de algodão puro são as mais procuradas na estamparia para produção de camisetas e demais peças, não somente pelo seu ótimo custo-benefício em relação à durabilidade e preço, mas também pela ótima avaliação dos consumidores e fornecedores. É sem dúvidas a melhor pedida para quem deseja um tecido versátil!

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre a camisetas 100% algodão, características e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

Dicas para abrir e-commerce

Abrir e-commerce de camisetas: veja o passo a passo completo!

A forma mais rápida e escalável atualmente, para ter a sua estamparia, é no formato online ao abrir e-commerce. Em apenas alguns cliques, você pode vender para as mais variadas regiões do mundo, e aproveitar a facilidade do digital para estar a par das novidades, dos produtos na moda e do que os consumidores estão pedindo.

Entretanto, para abrir e-commerce de camisetas, alguns passos devem ser seguidos para que a loja virtual tome forma e assim consiga começar suas vendas. Para ajudar nesse processo, separamos o passo a passo inicial para estruturar seu e-commerce de camisetas, confira:

Formar a marca e a identidade visual do seu e-commerce

Antes de abrir o e-commerce, é de extrema importância ter em mãos a identidade visual da sua marca, bem como um nome já definido e validado. Com esse passo concluído, já estará apto a dar sequência nos demais que irão colocar sua loja virtual para funcionar!

Escolher qual será a plataforma em que as camisetas serão vendidas

Dicas e-commerce camisetas

Confira o passo a passo para abrir e-commerce de camisetas. | Imagem: Freepik

Hoje em dia, temos uma ampla variedade de sites para hospedar o seu e-commerce, sendo os de melhor avaliação por parte dos clientes e consumidores:

  • Magazord;
  • Loja Integrada;
  • Moovin;
  • Magento;
  • Nuvemshop;
  • Shopify;
  • Oracle CX Commerce;
  • E outros.

Ao escolher uma plataforma reconhecida, intuitiva para o usuário e para quem irá construir o e-commerce já é possível garantir parte do sucesso da loja virtual!

Delimitar o nicho de atuação

Você já ouviu a frase “quem vende para todo mundo não vende para ninguém”? É exatamente isso que acontece!

A delimitação do nicho, assim como escolher a plataforma em que a loja irá atuar é um dos passos mais importantes para garantir o bom funcionamento da loja virtual. Também, com a formatação do público-alvo e nicho, é mais fácil se destacar com os produtos oferecidos, pois estará se dirigindo ao possível público interessado em suas estampas, modelos, forma de estamparia, etc.

Esse passo é importante também para ajudar na hora da criação de campanhas de marketing ou tráfego pago nas redes sociais, alcançando de forma mais efetiva o público qualificado,

Buscar o(s) designer(s) para montar o catálogo do e-commerce

O diferencial da estamparia para as demais lojas de camisetas são as estampas personalizadas e a facilidade em customizar a peça, deixando-a da forma como o cliente idealiza.

Para garantir o sucesso do negócio, bem como a boa aceitação das estampas, é fundamental procurar designers de confiança e alinhados à proposta da marca para integrar sua equipe. Através de sites como 99freelas, Workana e Behance é possível conhecer profissionais e portfólios, fazer contato, orçar e contratá-los para trabalhos específicos ou fixos.

Escolher entre estamparia sob demanda ou montar o seu estoque

É possível, hoje em dia, trabalhar de duas formas no e-commerce  de estamparia: com impressões sob demanda ou montando um estoque mais enxuto, sendo renovado a cada período que for determinado pela equipe. Por isso, é importante determinar a forma de funcionamento do seu e-commerce, bem como a capacidade de estoque ou de produção sob demanda em tempo hábil, para que o cliente não espere por um longo prazo.

Viu como é simples e rápido abrir o seu e-commerce?

Essa modalidade exige menos passos e burocracias que uma loja física, além de ser um modelo escalável de negócio, em que você pode realmente vender para o mundo inteiro a um clique de distância!

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre abrir e-commerce de estamparia, qual o passo a passo, por onde começar e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

estamparia digital

O que é a estamparia digital e como ela funciona?

Hoje em dia, o mundo necessita de processos que entreguem soluções mais rápidas, com melhor qualidade e que tenham impacto mínimo no meio ambiente. A estamparia digital veio para trazer essas questões, em detrimento da estamparia tradicional, mudando a forma como mundo têxtil funciona e trazendo produtos de melhor qualidade para os clientes.

Entretanto, por ser um conceito relativamente novo, nem sempre é fácil saber como funciona e o que é. Para dominar algo que recentemente chegou no mercado ou estar atualizado na área da estamparia, é necessário estudo constante, bem como reciclar o que já se sabe.

Para ajudar a entender o mais importante sobre esse processo de produção, preparamos um guia rápido e informativo com os principais conceitos e características sobre estamparia digital, confira:

O que é estamparia digital?

Antes de falar de fato o que é, vamos conhecer um pouco da história da estamparia e suas vertentes.

O processo da estamparia tradicional funciona utilizando telas ou cilindros que reproduzem a imagem no tecido, usando diversos itens descartáveis e que contaminam o ambiente, como as químicas das tintas, além de demandarem muitos litros de água e geram muitos resíduos poluentes, sendo uma produção não ecológica.

Para suprir a necessidade de uma produção que além de cuidar do meio ambiente entregue um resultado melhor e mais rápido ao cliente, surgiu a estamparia digital, que nada mais é do que um processo parecido com a impressão na folha de papel, pois é impresso no tecido diretamente pelo processo digital da impressora e do computador.

Nesta modalidade, são usados materiais que geram menos resíduos poluentes e a produção é mais rápida, ajudando na escalabilidade dos pedidos, além de ter um custo menor por peça.

Como funciona a estamparia digital?

Na estamparia digital, o desenho é selecionado previamente e a impressora transfere as cores diretamente para o tecido, assim como em impressões em folha de papel, como citamos anteriormente.

Quais são os benefícios da estamparia digital para o mercado têxtil?

dicas estamparia digital

Saiba os benefícios da estamparia digital. | Imagem: Kohler e CIA

Muitos são os benefícios da estamparia digital nos dias de hoje, dentre eles, os mais conhecidos são:

  • Maior escalabilidade da produção, podendo atingir um maior público e pedidos cada vez maiores;
  • Produção mais ágil, ajudando a entregar os pedidos até mesmo antes do prazo e sempre cumprir com o prometido para clientes e fornecedores;
  • Aumento da produtividade da produção;
  • Contribui para processos mais sustentáveis e ecológicos, diminuindo o impacto negativo no meio ambiente;
  • Aumento do lucro da empresa, por ser um processo mais barato;
  • Mais qualidade nos produtos e nas estampas;
  • Entre outros!

A estamparia digital chegou para revolucionar o mundo têxtil, trazendo a solução para diversos problemas que anteriormente pareciam sem resolução. Usada da forma correta, ajuda tanto na melhora dos lucros da empresa como na entrega de produtos com qualidade superior aos clientes.

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre a estamparia digital, como funciona, quais as características e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

Estamparia tecido

Estamparia tecido: mini guia de malhas e tecidos para estamparias

Hoje em dia existe uma ampla gama de tecidos e malhas à disposição da estamparia tecido, sendo cada um deles ideais para determinadas demandas.

A escolha do tecido é fundamental para oferecer um produto de qualidade e que satisfaça as expectativas do seu cliente, sendo ainda mais importante que a estampa, garantindo o resultado dela na hora da impressão.

Para isso, é preciso conhecer os tipos disponíveis no mercado, e pensando em simplificar a sua pesquisa, preparamos um minia guia de malhas e tecidos para estamparias, confira:

Poliéster

Sendo a malha de fibra sintética mais conhecida, essa malha consegue manter a cor da estampa por mais tempo, é resistente, não tem a necessidade de ser passada a ferro para ficarem sem dobras e secam rápido. Entretanto, tem também os seus contras: esse tipo de tecido dificulta mais a eliminação de suor, absorvendo e promovendo mais odores.

O tecido é mais fino que a maioria, logo, mesmo que não precise, se for passar o ferro, cuide da temperatura, pois essa malha queima com mais facilidade. Os tecidos compostos por poliéster:

  • Malha PP: Feita com 100% de poliéster, a malha PP possui toque acetinado e macio na pele, lembrando as malhas de algodão. Versáteis e práticas, esse tecido não amassa, encolhe ou desbota, sendo perfeito para uniformes;
  • Helanca ou cacharrel: Essa malha é composta de 100% de poliéster e são perfeitas para passar no processo de sublimação. É usada para abadás, camisetas e mangas de peças em que são impressas estampas florais;
  • Dry Fit: A malha mais escolhida quando se trata de uniformes esportivos e roupas de academia, o Dry Fit possui alta durabilidade e bom caimento graças a tecnologia da construção do tecido, afastando o suor da pele, mantendo o consumidor seco e confortável. Alguns tecidos Dry Fit contam com proteção UV para prática de esportes ao ar livre.

Algodão

como estampar malha de algodao

dicas sobre malha de algodão

Continuando a lista da estamparia tecido, o algodão é a fibra mais utilizada em produção de camisetas e peças têxteis, sendo conhecidas pela maciez, durabilidade e versatilidade. Ajudando na absorção do suor, é mais confortável que os demais tecidos disponíveis no mercado. A maior desvantagem dessa malha é amassar com maior facilidade e ser mais suscetível a desbotar com o tempo.

As malhas de algodão podem ser classificadas como:

  • Fio 24: Com esse tipo de fio, as camisetas tendem a ser mais finas e com menor durabilidade, como as de lojas de departamento, produzidas em grande escala para que o preço seja menor;
  • Fio 30 cardado: Possui qualidade superior ao fio 24, pois quanto maior a gramatura, melhor a qualidade do fio;
  • Fio 30 penteado: É o melhor tipo de tecido de algodão, indicado para camisetas e peças em geral, com ótima durabilidade e acabamento na estamparia. Apesar de serem mais caras, têm um bom custo-benefício pelo seu tempo de duração.

Malha fria (ou PV)

Composto de 33% de poliéster + 67% de viscose, tendo uma boa durabilidade, não desbotando e nem encolhendo com facilidade, sendo escolhida com constância para uniformes escolares.

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre os principais tipos de malhas e tecidos, para que cada um serve, quando usar e as perguntas mais frequentes sobre estamparia tecido. Caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

sem etiqueta

Sem etiqueta ou com etiqueta: qual opção escolher para sua loja ou marca?

O mundo têxtil possui diversas opções facultativas quando o assunto é escolher o que vai em cada peça, entretanto, algo de extrema importância que deve sempre ser considerado na confecção é a presença ou não de etiqueta.

O mais indicado é que sim, tenha a presença de etiqueta nas peças, mas para que isso ocorra, é necessário seguir algumas regras para que a etiquetagem seja feita da forma correta e de acordo com as normas.

Entretanto, nem sempre é fácil encontrar informações sobre quais tipos de etiquetas escolher, qual opção é a melhor ou até mesmo o que deve conter em uma etiqueta. Pensando nisso, separamos em uma guia rápido as principais informações sobre o tema, confira:

Quais são os itens obrigatórios a serem etiquetados?

Apesar de nem todas as peças têxteis disponíveis no mercado precisarem obrigatoriamente de etiquetas, alguns produtos precisam, de acordo com as normas, dentre eles:

  • Fios e filamentos como poliéster, poliuretano, elastano, algodão, lã;
  • Itens de vestuário comum como: calças, vestidos, biquínis, meias, roupas íntimas, bonés, gravatas, saias;
  • Tecidos: jeans, viscose, veludo, sarja;
  • Itens de cama, mesa e banho: lençóis, edredons, toalhas, fronhas, etc.

Quais são as informações obrigatórias na etiqueta?

tudo sobre etiqueta de camiseta

Veja aqui quais informações devem conter na etiqueta. | Imagem: Clube da Viola

Existem alguns itens que devem constar, obrigatoriamente, em toda etiqueta, sendo eles:

  • Identificação fiscal (CNPJ ou CPF) e nome ou razão social;
  • Tamanho da peça (P, M, G, GG, XG, etc);
  • Fibras usadas na composição têxtil da peça, usando sempre o nome genérico da fibra, não o comercial;
  • Cuidados de conservação com a peça em símbolos. Segundo a ABNT NM NBR ISO 3758:2013, as informações devem estar nessa ordem: lavagem, alvejamento, secagem, passadoria e limpeza profissional.
  • País de origem.

Qual opção escolher para a minha loja ou marca?

Hoje em dia existem diversas opções de etiquetas que podem ser escolhidas para fazerem parte da sua marca, cada uma com suas características e preferências. Conheça alguns tipos de etiquetas e seus conceitos:

  • Etiquetas plásticas: São perfeitas para quem deseja uma etiqueta mais resistente para a peça, entretanto, tem o custo mais elevado por unidade. Podendo suportar anos de fricção e danos físicos por temperatura, ainda assim não comprometem a exibição da mensagem contida na etiqueta.
  • Etiqueta de papel: Modelo mais econômico e ecológico, entretanto, tem uma durabilidade menor que os demais materiais disponíveis no mercado.
  • Etiqueta de borracha ou acrílica (removíveis): São opções que ajudam a reduzir os custos da empresa e ao mesmo tempo dão a opção de o cliente escolher continuar com a etiqueta na peça comprada.
  • Etiquetas térmicas: São impressas com um tipo de material sensível à temperatura, sendo incorporada ao tecido através da prensagem. Tem uma durabilidade média e é amplamente utilizada no comércio.

Saber qual tipo de etiqueta usar ou até mesmo quais as informações que devem constar na mesma é de extrema importância para que os seus produtos estejam de acordo com as normas e obrigações da ABNT e demais órgãos reguladores, evitando recolhimento de mercadorias, multas e demais burocracias.

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre o uso de etiquetas, para que serve, quando usar e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

tipos de camiseta boa e barata

O que fazer para eliminar o estoque parado de camisetas?

“Estoque é prejuízo”. Quantas vezes já ouvimos esse conceito? Muitas vezes, infelizmente, se forma um estoque de camisetas que fica parado, causando incômodo a estamparia e impedindo que novas compras sejam feitas, pois o capital fica parado. Entretanto, muitas pessoas ainda ficam em dúvida de como fazer para eliminar o estoque parado de camisetas, quais ações tomar. Para ajudar nessa missão, separamos algumas dicas efetivas para fazer o estoque parado de camisetas ser vendido, confira.

Saiba como eliminar o estoque parado na sua estamparia

saiba como vender camisetas sem estoque parado

Dicas de como eliminar o estoque parado de camisetas. | Imagem: Pixabay

Separamos abaixo as nossas dicas para você saber como eliminar o estoque parado e, assim, o seu prejuízo. Continue a leitura e descubra.

Conheça bem o seu público-alvo

“Eu vendo para todos os públicos”. Essa resposta não vale, ok? Como dizem os grandes nomes do marketing e das vendas, “quem vende para todo mundo não vende para ninguém”, e é uma verdade gritante. Conhecer o público que compra de você e o público que tem como objetivo atender é imprescindível para que as vendas decolam ou consiga despachar um estoque parado.

Por exemplo: uma campanha para as mães deve ser direcionada a elas, entretanto, não todas as campanhas do seu negócio, não é mesmo? O que sobre, fora as campanhas de data e promoções, é o seu público-alvo. Pessoas que gostam de roupas personalizadas, blusas de banda, etc. Por isso, é essencial definir este ponto para apostar nos produtos certos e, no futuro, não comprar itens que possam vir a ficar parados.

Conheça o seu estoque

Para vender, é necessário saber o que irá vender. Parece lógico, mas muitas vezes, na hora da preocupação, não temos mensurado o que está parado. A primeira ação que deve ser tomada é fazer esse levantamento: uma análise do que foi comprado, o que foi vendido e o que está parado (separando este último por cores, cortes da camiseta, estampas, tamanhos, preços, quantidades) e demais classificações que possam ter, assim, terá mais facilidade de montar os demais passados para limpar o estoque parado.

Esse levantamento também serve para ajudar com as próximas compras, para que sejam mais assertivas, não fiquem com itens parados, causando prejuízo a estamparia.

Faça combos e combinações com o estoque parado

Que tal fazer uma combinação da camiseta com outro item que tenha na estamparia (uma bolsa, uma garrafa squeeze, etc) com a mesma estampa ou temática, e fazer uma divulgação massiva nas redes sociais e para os clientes mais assíduos?

Combos também são uma boa ideia, pois mais de uma camiseta será vendida, e ajudará o estoque a ser diminuído mais rápido. A criatividade é tudo nesse momento!

Promova os produtos parados

Depois de seguir os passos acima, obviamente, você não pode se esquecer de divulgar os produtos do levantamento de estoque parado, ou os combos e combinações que fez. Sem um bom marketing, divulgação, será mais difícil atrair clientes.

Nesse momento, as transmissões ao vivo no Facebook e no Instagram, e  o tráfego pago, também podem ser uma ótima maneira de promover as vendas de mais rápida e efetiva, chegando a mais pessoas e atraindo até mesmo novos clientes para a estamparia.

Faça mais de um tipo de campanha

Alguns exemplos de campanhas que podem ser usadas, além dos combos e combinações:

  • Frete grátis;
  • Compre um e ganhe outro;
  • Compre um e ganhe um brinde;
  • Produto/promoção do dia;
  • Cupom de desconto para novos clientes;
  • Cupom de desconto para clientes que não retornam há um tempo;
  • Bônus;
  • Brindes;
  • Fidelidade;
  • Descontos progressivos;
  • Último dia de oferta;
  • Mês temático de X;
  • Último do tipo à venda.

Para que a estamparia esteja sempre com estoque em movimento, é necessário fazer compras assertivas que realmente estejam de acordo com o seu público-alvo, pois sabemos que as mercadorias e camisetas que ficam paradas causam prejuízos.

Com as dicas passadas, poderá sempre fazer movimentos para aumentar as vendas do seu negócio e fazer compras cada vez melhores de acordo com as necessidades do seu negócio!

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre as camisetas de malha fria, quais suas características, e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

 

o que é camiseta malha fria

Camiseta malha fria: dá para estampar esse tipo de camiseta?

Vamos falar de camiseta malha fria?

Parece estranho, mas o nome malha fria não se dá pela malha ser mais fresca e fria no calor, e sim mais confortável e fria no tempo mais frio.

Muitas pessoas se confundem com as características da malha PV, achando que é um tecido próprio para dias mais quentes, entretanto, a malha fria recebe este nome devido a sua composição, que é de um material que absorve menos calor, ao contrário do algodão. Logo, as malhas que contém fibras sintéticas em sua composição são chamadas de malhas frias.

Há quem pense que somente a malha PV é malha fria, mas a helanca, o poliéster e a poliamida também podem ser consideradas, entretanto, a mais conhecida malha fria é a malha PV. Sobre esse tecido, ainda existem muitas dúvidas: características, se pode ser estampado, etc.

Para te ajudar com essas e outras dúvidas frequentes, preparamos um guia completo com as principais informaçõe sobre a malha fria, confira:

O que é a malha fria?

Malha fria, ou PV, como também é conhecida, é um tecido composto de 33% de poliéster + 67% de viscose, podendo variar de fabricante para fabricante, mas geralmente o fio 30.1 é o mais usado.

Essa malha tem uma durabilidade alta, não desbota, não encolhe e seca com facilidade, sendo considerada a melhor e a mais escolhida para confecção de uniformes escolares, empresariais, etc. Entretanto, como retém pouco suor, sua indicação de uso é para dias ou lugares mais frios.

Quais são as características e benefícios da camiseta malha fria?

A malha fria tem diversos benefícios e características, mas o que mais se destacam são:

  • Mais agradável no frio, sendo ideal para outono e inverno;
  • Ventila menos o corpo, sendo ideal para manter o corpo quente em dias mais frios ou úmidos;
  • Retém pouco suor;
  • Possui mais brilho;
  • Toque acetinado e macio para quem veste e para terceiros;
  • Ótima durabilidade, tanto da estampa como da peça em si;
  • Estampas nítidas e com detalhes de ótima qualidade;
  • Cria menos bolinhas (pilling);
  • Quase não amassa, quase não precisando passar;
  • Não estica com facilidade, impactando diretamente na durabilidade;
  • Seca rápido;
  • Confortável, etc.

Com essas vantagens, o tecido de malha fria é escolhido com muita frequência para uniformes escolares e empresariais, sendo um dos de melhor adesão também para pessoas que têm peles sensíveis.

Dá para estampar esse tipo de camiseta?

Sim, camisetas de malha fria podem ser estampadas! O processo mais usado para estampar camisetas de malha fria é a sublimação, tanto pelo seu baixo custo quanto pela qualidade das estampas. É um tecido receptivo às tintas e tem uma ótima durabilidade e sensação na pele. Entretanto, outros processos de estamparia podem ser usados nos tecidos de malha fria ou PV, o melhor é cada caso seja analisado, para ver o mais indicado e entregar o melhor resultado ao cliente.

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre as camisetas de malha fria, quais suas características, e as perguntas mais frequentes sobre o assunto, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!

malha fria para uniformes

Malha fria para uniforme é uma boa opção?

Vamos falar de malha fria para uniforme?

Antes de mais nada, vale dizer que a escolha do tecido para a confecção de uniformes é uma decisão importante na estamparia, pois será um quesito de peso para escolha das peças, tanto por parte de escolas, como revendedores ou até mesmo os pais, que por muitas vezes, cuidam das peças escolares, ou de trabalhadores que usem uniformes.

De todos os tecidos à disposição no mercado, a malha fria é sem dúvidas a mais adequada para confecção de uniformes, mas para que boas peças sejam fabricadas, é necessário entender mais sobre tecido e ver porque é a melhor opção para fabricação de uniformes de qualidade, por isso, venha conosco e saiba sobre essa malha que permite mais conforto na hora de vestir e maior durabilidade às peças.

Quais são os benefícios da malha fria para uniformes?

malha fria para uniforme escolar

Saiba os benefícios da malha fria para uniforme. | Imagem: Freepik

  • Maior durabilidade: A malha fria é composta de fios sintéticos resistentes, feitos justamente para este fim, que diferentemente do algodão, por ser uma fibra mais fraca, não tem tanta durabilidade. Isso ajuda tanto no custo final da peça como na duração da estampa, que não desbote com facilidade, como em sua vida útil como um todo, o que impacta também o meio ambiente. Quanto mais uma peça dura, menos consumo e menos descarte: a natureza agradece!
  • Maior leveza, tanto no toque como ao vestir: proporcionando um toque macio, principalmente ao ser usada como segunda pele de roupas mais quentes ou em casacos, a malha fria é ideal para roupas que vão por baixo de outras, pois não causam atrito como alguns outros tecidos, o que pode ser desconfortável para algumas pessoas.
  • O tecido é mais fino: por ser mais fina, a malha fria não permite que quem está vestindo a peça sue muito, absorvendo toda temperatura do ambiente e sendo um ótimo protetor térmico, sendo uma boa opção para blusas básicas e segunda pele, conhecidas como blusas térmicas, ou também uniformes de prática de exercícios físicos.
  • Mais maciez para o dia a dia: tanto em uniformes escolares como os esportivos e de trabalho, todos devem proporcionar o máximo de maciez e conforto para o consumidor, tornando até mesmo sua rotina e dia a dia mais agradáveis, pois algumas roupas de determinados tecidos podem acabar deixando os movimentos da pessoa engessados.
  • Seca rápido: A malha fria é sem dúvidas o tecido de secagem mais rápida do mercado, o que é um ponto positivo para ser sempre a malha escolhida, pois no inverno, por exemplo, os pais se angustiam ao ver o uniforme dos filhos demorar demasiadamente a secar, ou quem tem um número determinado de uniformes para trabalhar, por exemplo, não pode ficar dependendo de um tecido que demore demais a secar.

A malha fria para uniforme é uma boa opção?

Todos hoje em dia estão em busca de praticidade, logo, o tecido escolhido precisa promover esse benefício, além de uma boa duração e qualidade. Por isso, a malha fria é uma ótima opção a ser usada em uniformes, tanto pelas suas características citadas acima como pelo seu custo.

Esperamos que você tenha entendido as principais questões sobre a malha fria, como o tecido é a melhor escolha para uniformes, caso tenha ficado com alguma dúvida, fale conosco nos comentários, que nós vamos te ajudar!

Para saber mais novidades sobre o mundo da estamparia, técnicas e avanços na área, acompanhe nosso blog!